02 maio 2008

Primeiro estranha-se...


... depois entranha-se! Foi assim que aconteceu comigo. A primeira vez que ouvi "Hard Candy" pensei, "acho que vou demorar muito tempo a habituar-me a este álbum". Não foi tanto tempo quanto eu esperava, mas só após a terceira ou quarta audição é que as músicas começaram a entrar-me no ouvido, ao ponto de já trautear uns quantos refrões.
Não é, definitivamente, um som ao qual estamos habituados, vindo de Madonna, mas todos sabemos que a senhora gosta de arriscar.
"Hard Candy" tem músicas que não passam indiferentes. Falo de "4 Minutes", indiscutivelmente (apesar das opiniões que ouvi de que nesta música Madonna parece ser a convidada e não o contrário), "Give it 2 me", "Heartbeat", "She's not me", ou até mesmo "Candy Shop" (a qual detestei da primeira vez que ouvi), isto apesar de alguns arranjos electrónicos que mais fazem lembrar o velhos tempos dos carrinhos de choque.
O resto das músicas considero-as medianas. Ouvem-se, mas nada de especial. À excepção de "Spanish Lesson" que penso ter sido um erro de percurso de tão má que é.
De qualquer forma, penso que Madonna consegue uma nota positiva, mais que não seja pela coragem e pela sua vontade destemida de arriscar e quase sempre ganhar.
Nota negativa, no entanto, para o livrinho que acompanha o cd. O grafismo é demasiado pobre e, apesar da boa forma física, penso que as fotos não favorecem nada Madonna. Já a vi fazer coisas bem melhores!

2 comentários:

Vitor disse...

Ainda não me decidi em relação a este álbum. Parece-me inferior ao anterior, mas superior ao Bedtime Stories :)))

duarte disse...

Superior ao American Life sem duvida!